Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Notícias
  3. Decano do IPUKB aborda a pertinência dos cursos de engenharia da UKB

Decano do IPUKB aborda a pertinência dos cursos de engenharia da UKB

  2021-01-18       destaque     UKB

Img:

O decano do Instituto Politécnico da Universidade Katyavala Bwila (IPUKB), Professor Doutor Valente Muhongo, assegura que os cursos de engenharia ministrados na instituição sob sua jurisdição são de qualidade garantida até ao nível das condições de que dispõem. O responsável refere que Benguela tem um parque industrial que “salva” o IPUKB na componente de prática.

De acordo com o responsável, o IPUKB habilita jovens para serem capazes de transformar a realidade, de modo a contribuir para o desenvolvimento do país, citando, pois, como exemplo o impacto que os cursos de engenharia estão a causar no país, a julgar pelo grande parque industrial de Angola.

“Para se manter este quadro industrial, com certeza precisa-se de técnicos bem formados. E a mecânica é a base de toda técnica”, assevera o responsável, realçando, porém, que o mesmo impacto se dá em relação ao curso de Gestão Logística de Transportes, porque, conforme disse, “com o desenvolvimento do Corredor do Lobito, com certeza estes técnicos são muito importantes para operacionalizar a cadeia logística, portanto, a cadeia de transportes. Veja que, com os técnicos bem formados, esses conceitos até são profundos. A logística não é só no Corredor do Lobito, a logística é em toda a nossa vida, há uma casa, há logística (…) Podemos imaginar todos o impacto que os nossos cursos têm”, considera.

Em relação à ciência de computação, segundo o decano do IPUKB, hoje em dia, nenhuma área deverá contorná-la, de tal sorte que se afigura como um segmento também importante para o país.

Nesta perspectiva, o responsável realça que o mercado local e o nacional têm beneficiado consideravelmente dessas valências que o instituto sob sua jurisdição põe à disposição da sociedade.

Exemplificativamente, Valente Muhongo salienta o facto de parte considerável de técnicos (ainda em formação) terem sido já absorvidos por unidades fabris um pouco pelo país.

““Agora estamos num debate com os responsáveis dessas empresas, porque querem mantê-los já aí permanentemente, quando ainda não concluíram o curso. Estamos a estudar como fazer”, disse, em júbilo, o responsável, para quem, neste particular, estar-se-á a estudar a maneira para que, face ao cenário, aquilo conte como prática deles, mas que estes encontrem tempo para a conclusão do currículo formativo. “E outro exemplo é o da Biocom, está em Malanje. Nós temos uma relação. Portanto, eles também contam muito com o IP da UKB, para fornecimento de técnicos. Não vai muito tempo que eles pediram uma lista e a vice-decana (para área científica) trabalhou nisso e lhes remeteu. Portanto, eles pediram estagiários, porque também têm lá uma política de diminuir os expatriados e empregar os nacionais, mas tem que ser nacionais com capacidade”, sugere.

Importa realçar que, ao abrigo do Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) 2016-2023 da UKB, o IPUKB tem projetados a abertura de um leque de cursos de graduação, quer visam responder as formativas concretas do Pais e da província de Benguela em particular.

Os referidos cursos estão divididos por sectores: Tecnologias de Informação e Eletrónica, Agricultura, Indústria Extractiva e Mineira, Telecomunicações e Petróleo, nesta lógica estão projectados os seguintes cursos engenharia: Informática, Mecânica, Industrial, Naval, Eletromecânica, Agrónoma, Ambiental, Civil, Geotécnica, Telecomunicações, Petroquímica, Refinação e Arquitetura.

Ao nível da pós-graduação o IP tem previsto a abertura de quatro cursos de mestrado, designadamente: Engenharia Informática e Mecânica.

Assim, o IP da UKB, dentro das acções de formação, está empenhado em imprimir cada vez mais qualidade ao ensino, credibilizando-se a nível nacional e internacional.

Próximos eventos ver todos   agenda

abr 20

Partilhar

Data da última atualização: 2021-01-18
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.